quarta-feira, outubro 13, 2021

Justiça condena ex-vereadora de Araucária a 7 anos de prisão , ela era acusada por 'rachadinha'

Uma ex-vereadora de Araucária (região metropolitana de Curitiba), foi condenada a 7 anos, 3 meses e 17 dias de prisão e ao pagamento de 80 dias-multa pelo crime de concussão. A ex-parlamentar, da legislatura 2013-2016, foi denunciada pelo Ministério Público do Paraná pela prática de “rachadinha”. 

Entre o final de 2018 e o início de 2019, as Promotorias de Justiça de Araucária ofereceram dez denúncias contra vereadores e assessores parlamentares da legislatura de 2013-2016, em consequência das investigações da primeira fase (batizada de “Mensalinho) da Operação Sinecuras. 

Os réus foram denunciados pela prática dos crimes de organização/associação criminosa, concussão e lavagem de dinheiro. Essa foi a primeira sentença proferida para um caso de “rachadinha” a partir das denúncias oferecidas no âmbito da operação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário