quinta-feira, julho 01, 2021

Cresce adesão de empresários ao movimento que pede volta do horário de verão

Representantes de empresários dos setores de turismo, bares e restaurantes de São Paulo vão aderir ao movimento iniciado na semana passada para pedir a volta do horário de verão.

A iniciativa é liderada por entidades filiadas à CNTur (Confederação Nacional de Turismo) nos estados de Santa Catarina, Paraná e Bahia.

Eles argumentam que o retorno da mudança no relógio pode beneficiar o turismo nacional, estendendo o horário das atividades ligadas ao setor, além de representar uma economia na energia elétrica diante da preocupação com a crise hídrica.

O pedido será enviado ao governo, mas deve encontrar resistência, porque a extinção do horário de verão foi uma das primeiras medidas tomadas por Bolsonaro, no início do mandato, em 2019. O presidente defendia que isso ajudaria a elevar a produtividade do trabalhador brasileiro porque favoreceria o relógio biológico, segundo ele.

Nenhum comentário:

Postar um comentário