quinta-feira, janeiro 28, 2021

Caminhoneiro acusado de ter atirado em policiais e oficial de justiça é condenado a 8 anos de prisão, no Paraná

                 
O caminhoneiro Leandro Vriesman, acusado de ter atirado em dois policiais e em um oficial de justiça, foi condenado a oito anos de prisão em regime semiaberto. O caso aconteceu em Carambeí, na região dos Campos Gerais do Paraná, em agosto de 2017.

Segundo o advogado dele, Paulo Rangel de Carvalho Júnior, o réu foi pronunciado por duas tentativas de homicídios, duplamente qualificadas, uma tentativa de homicídio qualificada e também pelo crime de resistência.

Ele vai cumprir pena por uma tentativa de homicídio qualificada e será monitorado por tornozeleira eletrônica.

A defesa, que também é representada pela advogado Wilson Ribeiro Júnior, disse que ainda não tem posicionamento sobre a possibilidade de recurso.

O julgamento foi feito em Castro, na região dos Campos Gerais do Paraná, na quarta-feira (27), e durou aproximadamente 10 horas.

À época, um vídeo registrou o momento em que Leandro atira contra três pessoas por causa de uma discussão.

Os policiais revidaram e um deles levou um tiro de raspão. Já o caminhoneiro foi baleado na perna e acabou preso.

Conforme as investigações, os policiais e o oficial de justiça tentavam cumprir um mandado de recuperação judicial do caminhão.

O caminhoneiro tinha sido denunciado pelo Ministério Público do Paraná (MP-PR) por tentativa de homicídio, além de resistência.

Nenhum comentário:

Postar um comentário