sexta-feira, julho 30, 2021

Condenado por estupro, médico é preso em CampoMourão

Um médico de 73 anos, condenado a nove anos e quatro meses por estupro de vulnerável, foi preso na tarde desta quarta-feira (28) pela Polícia Civil, no centro de Campo Mourão. Contra ele havia um mandado de prisão expedido pela justiça.

O médico prestou serviços em Campo Mourão por meio de uma empresa terceirizada, quando foi denunciado pelo Ministério Público por crime sexual contra uma adolescente de 14 anos.

A vítima estaria em tratamento psicológico e, segundo a mãe dela, teria sido beijada a força pelo médico. Além disso, segundo a denúncia, o profissional de saúde ainda teria passado a mão em partes íntimas da menor.

A mãe relatou também que recebeu proposta para que aliciasse a filha para encontros sexuais em troca da reforma de sua casa e o pagamento de estudos para a filha.

A mulher chegou a gravar diálogo com o médico e o material foi entregue na delegacia, onde foi aberto inquérito, encaminhado ao Ministério Público, que ofereceu a denúncia à justiça. O mesmo médico ainda prestou serviços nos municípios de Luiziana e Nova Tebas. Ele foi encaminhado para a delegacia e deverá cumprir a pena em regime fechado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário