quinta-feira, maio 13, 2021

Caso Rachel Genofre - HOMEM que matou a menina e colocou dentro de mala, em Curitiba, é condenado a 50 anos de prisão

Carlos Eduardo dos Santos foi condenado a 50 anos de prisão pela morte da menina Rachel Genofre, em júri popular nesta quarta-feira (12). A condenação foi anunciada por volta das 23h pelo juiz.

O julgamento aconteceu com portas fechadas, por conta do segredo de justiça. Carlos Eduardo foi condenado, por 4 votos a 1, a 40 anos de prisão pelo homicídio triplamente qualificado - mediante meio cruel, asfixia e ocultação do corpo -, e a 10 anos por atentado violento ao pudor.

Rachel foi encontrada morta em novembro de 2008. O corpo foi achado com sinais de violência sexual dentro de uma mala na Rodoferroviária de Curitiba.

Carlos Eduardo, que estava preso em São Paulo, foi descoberto em 2019, por meio do cruzamento de dados. Ele foi ouvido por videoconferência.

Nenhum comentário:

Postar um comentário