quarta-feira, abril 14, 2021

PF desarticula laboratório que produzia cartões clonados, cédulas e documentos falsos no Paraná

 
A Polícia Federal deflagrou na manhã desta terça-feira (13) a Operação Deep Fakes, com o objetivo de desarticular uma organização criminosa responsável pela produção de cédulas e de documentos de identificação civil falsificados. Os criminosos também confeccionavam cartões de crédito clonados, produziam sistemas ilegais de busca de dados de pessoas, abriam contas bancárias clonadas, além de efetuarem diversas outras fraudes.

As investigações iniciaram com o desmantelamento de um laboratório no Ceará, em 23 de março de 2021. Na ocasião, foi preso o responsável pelo local, o qual se encontra preso preventivamente respondendo pelos crimes de moeda falsa, petrechos para falsificação, falsificação de documentos, estelionato, dentre outros.

Na ocasião, outros três responsáveis haviam se evadido, sendo presos nesta ação nas cidades de Maringá/PR, Santa Isabel do Ivaí/PR

Cerca de 23 policiais cumpriram 5 mandados de busca e apreensão e 3 mandados de prisão preventiva. Foram apreendidas mídias com matrizes para produção de cédulas falsas de todos os valores, inclusive de R$ 200,00.

Ainda, foram localizados maquinários para produção de moedas metálicas de 10, 20 e 50 centavos e também de R$ 1, além de materiais de fundição, moldes, centrífuga, forno, vulcanizadores e outros elementos para a fabricação de moedas metálicas falsificadas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário