terça-feira, dezembro 22, 2020

PRF estuda pontos vulneráveis à exploração sexual de menores em rodovias

A 8ᵃ edição do estudo Mapear, levantamento dos pontos vulneráveis a exploração sexual de crianças e adolescentes nas rodovias federais brasileiras, feito pela Polícia Rodoviária Federal, apontou 3.651 pontos vulneráveis em todo país, a região com mais pontos é a Nordeste com 1.079, seguida da Sul com 826.

Aqui no Paraná 388 pontos foram identificados, o que colocou o estado novamente na liderança do ranking de pontos vulneráveis, pelo segundo biênio consecutivo, seguido de Minas Gerais com 351 e Bahia com 325.

Somente nos 400 km de domínio da circunscrição da delegacia da PRF de Cascavel são 20 pontos, 4 deles aqui na cidade.

Entre os pontos de destaque estão os pátios de postos de combustíveis.

Quando identificados os casos de exploração sexual envolvendo menores nestes locais eles são encaminhados ao Conselho Tutelar mais próximo que fica a cargo de orientar e atuar na prevenção de direitos.

Segundo Sirlei, o caso mais recente em Cascavel foi envolvendo uma adolescente de 14 anos vinda de outro estado.

A orientação tanto do Conselho quanto da PRF é denunciar a prática.

Nenhum comentário:

Postar um comentário