quarta-feira, dezembro 02, 2020

Governo do Estado libera verba para construir centro de saúde dos idosos em Palmas

A história do aposentado Manoel dos Santos, de 67 anos, é comum em Palmas, município de 52 mil habitantes, de acordo com a mais recente estimativa do IBGE. Com problemas cardiológicos, ele tem de escolher o que fazer quando chega o momento de voltar ao consultório médico.

Se precisar de um atendimento com maior urgência, o jeito é separar uma parte da aposentadoria para garantir o atendimento particular. Mas aí vai faltar dinheiro para os exames.

E também para os remédios. No caso de um encaminhamento via Sistema Único de Saúde (SUS), a solução é não ter muita pressa e aguardar a fila andar. Equação difícil, que no caso do seu Manoel é dobrada, já que a esposa do aposentado também precisa de cuidados especiais com o coração.

Há alguns anos, conta Manoel, ela recebeu um marcapasso para que o órgão voltasse a bater corretamente. “Nós precisamos de saúde e em muitos casos não temos apoio de nada. Ou paga a consulta ou os remédios”, diz.

Expectativa para os idosos

A esperança de uma vida melhor para o seu Manoel e outros tantos conterrâneos está perto de sair do papel. Com apoio do Governo do Estado, Palmas vai ganhar o primeiro Centro da Saúde do Idoso.

A estrutura física, de 451 metros quadrados, está praticamente pronta. O mobiliário e os equipamentos médicos já foram licitados, aguardando apenas a entrega e instalação por parte das empresas. Dentro do planejamento, o centro médico exclusivo para a terceira idade deve ser entregue no primeiro trimestre de 2021.

O investimento total é de R$ 835 mil, com recursos do Tesouro do Estado e contrapartida municipal, na ordem de R$ 411 mil. Os idosos encontrarão neste centro médico um ambiente preparado, com atendimento exclusivo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário