sexta-feira, 2 de outubro de 2020

Paraná Rosa lembra que o câncer de mama é o que mais mata

A Secretaria de Estado da Saúde lançou nesta quinta-feira (1) a segunda edição do Paraná Rosa por meio de uma transmissão online pelo Youtube. A campanha estadual realizada dentro do Outubro Rosa pretende fortalecer iniciativas de promoção e conscientização sobre a prevenção do câncer de mama e de colo de útero, além da saúde da mulher em geral.

Em 2019, 993 mulheres morreram pelo câncer de mama no Estado. Além disso, segundo dados de 2018, o câncer de mama é a primeira causa de mortalidade prematura em mulheres entre 30 a 69 anos.

Já para o câncer do colo do útero, a estimativa nacional é de 16.590 casos e, no Paraná, de 990 novos casos. O número de óbitos em 2019 foi de 336 mulheres.

“Outubro é um mês dedicado à saúde da mulher. Temos que aproveitar esse engajamento nacional para levar a informação sobre os cuidados e mostrar que a prevenção é sempre o melhor caminho. O Paraná Rosa não é somente um programa de alerta e de cuidado com a prevenção e diagnóstico precoce do câncer, mas sim com a saúde integral e o bem estar da mulher”, disse a primeira-dama do Paraná, Luciana Saito Massa, madrinha e idealizadora do projeto Paraná Rosa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário