domingo, 4 de outubro de 2020

Motorista é preso com medicamentos abortivos e anabolizantes ilegais na BR-277, diz PRF

Um motorista de caminhão foi preso suspeito de importar medicamentos ilegais na BR-277, em Cascavel, no oeste do Paraná, segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF). O caso foi registrado nesta quarta-feira (30).

De acordo com a polícia, o caminhão que o suspeito dirigia transportava 20 caixas com medicamentos importados, como abortivos, anabolizantes, para emagrecimento e tratamentos para digestão.

Esses produtos são proibidos pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) desde 2011. A mercadoria era do Paraguai e não tinha nota fiscal, segundo a PRF.

O suspeito também carregava caixas com óculos sem nota fiscal. Por isso, conforme a polícia, ele poderá responder por falsificação, corrupção, adulteração ou alteração de produto destinado a fins terapêuticos ou medicinais, e descaminho.

O motorista disse à polícia que foi contratado pela internet para fazer o transporte de torneiras. O caminhão foi carregado em Terra Roxa e seria levado até Curitiba.

As 27 caixas com mercadoria foram encontradas no compartimento de cargas do caminhão durante a fiscalização.

O veículo, os produtos e o motorista foram levados para a Delegacia da Polícia Federal (PF) de Cascavel.

Conforme a polícia, a pena para o crime de importação desses tipos de medicamentos, considerado como hediondo, pode chegar até 15 anos de prisão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário