sexta-feira, 28 de agosto de 2020

Servidores públicos do Paraná protestam contra proposta de suspensão do reajuste salarial

Servidores públicos do Paraná protestaram em frente ao Palácio Iguaçu, em Curitiba, na manhã desta quarta-feira (26). Eles são contra a proposta de suspensão do reajuste salarial até 2021.

Se aprovado, o projeto de lei também vai suspender a concessão de promoções e de progressões dos servidores estaduais.

Em janeiro, a folha salarial foi reajustada em 2% – conforme o que foi firmado em 2019 durante a greve do funcionalismo – para reposição de perdas. "Esta medida, contudo, só pode ser efetivada quando há condições financeiras e orçamentárias", explicou o governo estadual por meio de nota.

À época, o governo Ratinho Junior (PSD) propôs o aumento de 5,08% de forma parcelada. O primeiro pagamento, de 2%, em janeiro deste ano. As outras duas, de 1,5%, ficariam para janeiro de 2021 e janeiro de 2022.

Nenhum comentário:

Postar um comentário