sexta-feira, 24 de julho de 2020

TRE garante segurança da eleição municipal no Paraná mesmo com pandemia

O comando do Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE/PR) garantiu hoje que está tomando todas as medidas para garantir a segurança das eleições para prefeito e vereador deste ano, mesmo com a pandemia do Covid-19. 

Além da decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que suspendeu o uso da identificação biométrica através das impressões digitais dos eleitores, para evitar a disseminação do coronavírus, outras providências serão tomadas, como a organização de filas com distanciamento de pelo menos um metro e meio entre os eleitores, até a distribuição de máscaras, luvas e álcool gel para os mesários. O TRE aguarda ainda a edição de uma cartilha pelo TSE com os protocolos que devem ser adotados nos dias de votação.

“Tenho certeza de que a Justiça Eleitoral está pronta para realizar as eleições com toda a segurança, inclusive dos mesários e eleitores”, assegurou vice-presidente e corregedor do tribunal, desembargador Vitor Roberto Silva. Segundo ele, nos próximos dias o TRE deve promover simulações nos locais de votação, com a inserção de marcas no chão para organizar o distanciamento entre os eleitores. Além disso, explicou, com o adiamento das eleições, a Justiça terá mais tempo para se preparar. 

O Congresso aprovou o adiamento do primeiro turno das eleições municipais de 4 de outubro para o dia 15 de novembro. A data do segundo turno passa para o dia 29 de novembro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário