segunda-feira, 27 de julho de 2020

Pinhão - POLICIA Militar atende 3 casos de violência contra MULHER neste Fim de Semana

1°CASO

No dia 26/07 às 19h10min a equipe policial deslocou até o Bairro São Cristóvão,
depois que recebeu uma denúncia da senhora de 34 anos, onde o seu marido de 32 anos, tinha lhe ameaçado. A solicitante relatou que por volta das 17h30min, o acusado, disse que iria matar a solicitante e suas duas filhas menores. Disse que se não conseguisse matar as filhas, ia matar toda a família. Ainda este também falou palavras ofensivas para as adolescentes. 

Deslocado até a residência do casal, o autor das ameaças estava no portão, onde de imediato acatou a ordem policial e acompanhou a equipe até o destacamento policial, tendo em vista que a solicitante queria representar criminalmente contra o mesmo. Foi confeccionado o Boletim de Ocorrência e encaminhado o detido para delegacia de policial civil para serem tomadas as medidas cabíveis.

2° CASO
No dia 27/07 às 00h20min a equipe policial foi acionada pela Sra. de 51 anos, a qual relatou que por volta das 19h, o seu marido de nome de 37 anos,começou a falar que a declarante, tinha um caso com um amigo dele. Desse momento em diante, o acusado, dentro de casa, pegou a declarante pelo cabelo e jogou no chão.

Acrescenta que o mesmo estava portando um facão dentro de casa, então a declarante acreditou que este poderia atacá-la, quando tivesse oportunidade, este também ameaçou a declarante. Diante do fato a equipe policial deslocou até o local situado no Bairro Água verde, onde, encontrou o acusado chegando da rua, então nesse momento a equipe policial inormou o mesmo sobre toda a situação que havia ocorrido com a sua mulher, sendo que este, acatou a ordem policial e acompanhou a equipe até o Destacamento Policial e posteriormente encaminhou o detido para a delegacia local, para serem tomadas as medidas legais cabíveis.

3° CASO

No dia 27/07 às 04h20min a equipe recebeu uma ligação do Hospital Santa Cruz, informando que uma mulher tinha dado entrada no hospital, vitima de violência doméstica.

No Hospital, a equipe policial entrou em contato com a senhora de 37 anos, onde a mesma relatou que por volta das 23h30min, do dia 26/07/2020, o seu marido de 33 anos, deu um chute nas costelas da mesma, que pegou uma pedra e bateu na cabeça da declarante, que devido ao ferimento, foram necessários 3 três pontos na lesão, e estava munida de prontuário médico. Ainda segundo a solicitante, disse que o seu filho de 01 ano, havia ficado na casa. Então a equipe se deslocou até localidade de Mato Branco, onde prestou apoio para a declarante, a qual buscou seu filho. O agressor não foi localizado, sendo orientado a vítima a procurar a delegacia local e solicitar as medidas protetivas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário