sexta-feira, 24 de julho de 2020

Operação ‘mocó’ na cadeia de Pato Branco retira objetos ilícitos das celas

Ao menos 22 Agentes do Grupo SOE (Operações Especiais) do DEPEN Base de Francisco Beltrão e Cascavel, participaram de uma revista geral na Cadeia de Pato Branco nesta quinta-feira (23). Durante a revista foi encontrado uma grande quantidade de ferros e outros materiais ilícitos, materiais que serviriam para   auxiliar uma possível fuga em massa.

Durante as buscas também foram apreendidos cinco aparelhos celulares, uma pequena quantidade de maconha e outros materiais ilícitos.

Segundo a direção da cadeia, os materiais entram no patio por arremessos ocorridos para os presos quando eles estão no pátio de sol.

Os objetos estavam em locais conhecidos pelos presos como “mocós”, nome que deu origem a operação. Ao todo, cinco presos foram identificados por comandar essas ações irregulares. Os detentos ficarão em quarentena na Unidade Sentinela em Francisco Beltrão, e depois serão transferidos à PEFB.

Com RBJ

Nenhum comentário:

Postar um comentário