terça-feira, 14 de julho de 2020

O ex-deputado Nelson Meurer era de grupo de risco, Após infectado, viveu menos de uma semana

Faleceu neste domingo, 12 de julho, Nelson Meurer, de 77 anos. É a quinta pessoa levada pela Covid-19 no município. A notícia teve repercussão nacional porque ele foi o primeiro deputado federal condenado pela Lava Jato.

Preso desde outubro do ano passado, ele cumpria pena na Penitenciária Estadual de Francisco Beltrão, município do qual foi prefeito na gestão 1989-1992. Depois elegeu-se deputado federal por seis mandatos, encerrando a carreira polícia em 2018.

Mesmo sendo uma das pessoas mais conhecidas em toda a história do município e da região, não teve, devido à pandemia do coronavírus, velório. Somente familiares acompanharam o ato de cremação do corpo.

Também não contou com a presença de familiares em seus dias derradeiros. Mesmo estando próximos, esposa e filhos não obtiveram autorização para visitá-lo e nem sequer comunicar-se com ele por telefone.

Os advogados de sua defesa fizeram vários pedidos de prisão domiciliar, iguais aos que outros receberam, mas o STF negou (veja entrevista com o advogado Michel Saliba, na página 3 deste caderno).
Ele foi transferido na terça-feira, dia 7, para a Policlínica São Vicente de Paula e faleceu no domingo de manhã.

Luto em Beltrão

O prefeito Cleber Fontana decretou luto em Francisco Beltrão, pela morte do Meurer.

Ainda no domingo, o prefeito postou no Facebook a seguinte nota:

“Hoje é um daqueles dias que ficarão marcados na história de nosso município. A morte do ex-prefeito e ex-deputado federal Nelson Meurer entristece nossa comunidade e o Sudoeste do Paraná. À esposa, filhos, netos, noras e amigos que Deus conforte o coração de vocês. A você, Nelson, que cumpriu sua missão aqui, certamente ajudou muitas pessoas, um homem que, filho de pequenos colonos no interior do interior, foi comerciante, político e representou durante muitos anos nosso Sudoeste em Brasília. Talvez o final não foi o imaginado por muitos de nós, mas o resultado do seu trabalho está perpetuado junto ao progresso desse chão. Descanse em paz.”

Câmara de Vereadores

Sobre a morte de Nelson Meurer, neste domingo 12 de julho, a Câmara de Vereadores de Francisco Beltrão, que tem como presidente José Carlos Kniphoff, emitiu a seguinte nota:

”O Poder Legislativo de Francisco Beltrão lamenta o falecimento do ex-deputado federal Nelson Meurer, também ex-prefeito de Beltrão. A informação foi confirmada por pessoas ligadas à família e o corpo foi cremado. Nelson Meurer estava internado com o Covid-19, teve complicações neste domingo (12), foi entubado, mas não resistiu.

Obs: na primeira versão do texto falava de um velório restrito, mas seria apenas para despedida dos familiares, questão de uma hora. Porém, o protocolo não é esse. Foi feita uma oração, e, logo em seguida, a cremação. Não houve velório e o procedimento adotado foi o mesmo para todos os óbitos da Covid.

Esposa Leci e três filhos

Nelson Meurer deixa viúva Leci Lindner Meurer e três filhos: Nelson Meurer Júnior, Cristiano e Eduardo (o Dudi). E cinco netos: Gabriela, Pedro e Lorena filhos do Júnior, Rangel e Lívia filhos do Cristiano.

Nenhum comentário:

Postar um comentário