sexta-feira, 12 de junho de 2020

HAITIANOS são acusados de ESTUPRO coletivo em mulher na cidade de Pato Branco

A violência sexual aconteceu em uma residência no centro de Pato Branco, imóvel este seria uma república onde moram alguns haitianos.

Segundo relatos da vítima ela teria conhecido através da rede social (Facebook), uma pessoa de origem haitiana, e estaria namorando com o mesmo, relatou ainda que ambos foram até a casa de alguns amigos dele de origem haitiana, e lá foi lhe oferecido uma bebida de cor azul, após ingerir a referida bebida ficou "grogue", e foi deitar em uma das camas da casa.

Em certo momento pelo menos cinco indivíduos abusaram sexualmente da mulher. Segundo a própria vítima entrava um por vez no quarto, enquanto os demais ficavam do lado de fora trancando a porta para que ela não saísse. Ela contou que no momento em que era abusada foi agredida com tapas e puxões de cabelo.

Após o fato já por volta das 4hrs da madrugada desta sexta-feira 12, o namorado da vítima pediu para que ela não chamasse a polícia, ao falar que iria sim denunciar os mesmos, ele fugiu do local utilizando um veículo gol.

Na sequência a vítima solicitou a Polícia Militar, e relatou todos os fatos. Equipes da Polícia Militar se deslocaram até a residência onde encontravam-se três homens de origem haitiana, sendo um deles reconhecido pela vítima como um dos autores do estupro. Sendo assim foram encaminhados até o 3° BPM para confecção do boletim de ocorrência, e posteriormente à 5° SDP para mais providências cabíveis ao fato.

A vítima foi encaminhada até a UPA de Pato Branco pois alegava estar sentindo dores, e permaneceu em observação.

Fonte: Pato Branco Alerta

Nenhum comentário:

Postar um comentário