sexta-feira, 24 de abril de 2020

Consumo de energia elétrica no Paraná CAI 14% durante período de isolamento social , DIZ LEVANTAMENTO

O consumo geral de energia elétrica no Paraná diminuiu 14% durante o primeiro mês de isolamento social por causa da pandemia, segundo dados da Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE)

O levantamento comparou o consumo de energia entre dois períodos: de 1º a 17 de março, antes da quarentena, e as três semanas seguintes: 18 março a 10 de abril, quando as medidas de isolamento já estavam em vigor.

No brasil, o consumo total, segundo o estudo, caiu 10% após o início da quarentena. Em São Paulo, a queda foi de 11%. No Rio de Janeiro, 7%, e em Santa Catarina, o consumo de energia elétrica caiu 18% no período.

O estudo mostra ainda que a maior redução de consumo foi a do estado do Rio Grande do Sul, com 23%.

Rui Altieri, presidente da CCEE, afirma que apesar de as pessoas estarem mais tempo dentro de casa, consumindo mais energia, o aumento de consumo não foi suficiente para fazer frente à grande redução que houve no consumo comercial.

Setores

Empresas de diversos setores reduziram as atividade depois que a quarentena ganhou força no Brasil.

As metalúrgicas, de acordo com o estudo, consumiram 7% menos de energia no período. O comércio, 13% e as mineradoras, 19%.

A queda no setor de manufaturados no país foi de 26%, no de serviços, 34% e no de têxteis, 40%.

A maior queda de consumo, de acordo com o levantamento, foi nas montadoras de veículos, que tiveram redução de 53%.

Nenhum comentário:

Postar um comentário