quinta-feira, 19 de março de 2020

Após reclamações, governo cancela expediente nas escolas

Após cobrança da APP-Sindicato e questionamentos de servidores a Secretaria da Educação e do Esporte (Seed) voltou atrás e determinou que, a partir de sexta-feira (20), não haverá expediente nas instituições de ensino da rede estadual.

A nova decisão consta na Resolução n. 891/2020 publicada ontem (18) e atende reivindicação do sindicato para prevenir que diretores, funcionários e a própria comunidade fiquem expostos à contaminação pelo novo coronavírus.

Segundo a secretária de Funcionários da APP-Sindicato, Nádia Brixner, a intenção da Seed de manter as escolas abertas era “um absurdo”, o que motivou o pedido de revogação imediata da resolução e que todos os trabalhadores sejam dispensados.

Pela resolução anterior, n. 888/2020, as instituições de ensino deveriam permanecer em funcionamento das 8h às 17h, mesmo com as aulas suspensas, para o atendimento da secretaria da escola, demanda do programa Leite das Crianças, merenda escolar e demais atividades necessárias.

Já pela nova resolução, as escolas estarão fechadas e as direções deverão organizar escala para atender a logística do programa Leite das Crianças e a eventual distribuição da merenda escolar. Cerca de 27 mil servidores atuam nas escolas estaduais do Paraná.

Na terça-feira (17), por meio de decreto, o governador do Paraná já havia determinado a suspensão das aulas nas escolas e universidades públicas e particulares de todo o estado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário