quarta-feira, 4 de dezembro de 2019

Fomos atacados COVARDEMENTE pelo GOVERNO RATINHO JR., afirma presidente da APP SINDICATO LONDRINA.

O relato do professor Márcio André Ribeiro, presidente da APP Sindicato Londrina dimensiona a violência e o autoritarismo que ocorre em Curitiba na data de hoje, 03/12. Uma caravana de aproximadamente 100 pessoas da região de Londrina está na capital acompanhando as mobilizações em defesa da previdência social e da escola pública.

Segundo o presidente da APP Sindicato Londrina, no momento em aguardavam para fazer o cadastro para entrar na ALEP – Assembleia Legislativa do Estado Paraná – e acompanhar a sessão no início da tarde, a Polícia Militar atacou os servidores (as) com spray de pimenta e gás lacrimogênio. Circulam nas redes sociais e nas páginas da APP Sindicato e da APP Sindicato Londrina imagens dos abusos e da violência cometidas pelo governo Ratinho Jr.

Diante da situação, a ALEP foi ocupada. Após, o presidente da ALEP, deputado Ademir Traiano (PSDB) suspendeu a sessão. Márcio André ainda reforça “infelizmente o governo nos ataca novamente. Além disso, de forma autoritária sitiou a ALEP e nos impede de estar na “casa do povo”. Nossa resposta a está violência é a adesão à greve. É fundamental a paralisação das escolas e dos colegas que ainda não estão no nosso movimento”

Nenhum comentário:

Postar um comentário