Guarapuava 200 Anos

quarta-feira, 4 de dezembro de 2019

Após pressão popular, vereadores rejeitam projeto que regulamenta transporte coletivo em Candói

A pedido da própria população, a Câmara de Vereadores rejeitou nesta terça-feira (3), projeto de Lei n.º 43/2019 que autorizava o Prefeito Gelson Costa à licitar concessão de linhas de transporte coletivo no município. Foram 6 votos contrários e 2 favoráveis.

A própria população foi ao Legislativo e pressionou os vereadores a votar contra o projeto. Com isso, o município fica impedido de abrir licitação e a população ficará sem transporte coletivo, conforme sua própria vontade.

Existe denúncia de que no município havia linhas clandestinas de transporte de passageiros sem autorização do Poder Público Municipal. Para solucionar o problema, o Prefeito Gelson Costa, além de abrir processo Administrativo para apurar a denúncia, também propôs o Projeto de Lei 43/2019 para pedir autorização legislativa para regulamentar e abrir licitação de ampla concorrência a fim de autorizar e legalizar o transporte coletivo no Município. Entretanto, o projeto foi reprovado a pedido da Comunidade.

Confira como foi à votação:

Favoráveis: vereadores Valdir Costa e Mauri Belé.

Contra o Projeto: vereadores Leônidas Mattos de Deus (Diogo), Sérgio Wegner de Vargas, José Carlos Aparecido Modesto (JK), José Osmar Mis (Zezinho), Celso Turok e Nilson José Rodrigues.

O presidente Valter Oliveira da Luz, não vota.

Nenhum comentário:

Postar um comentário