quinta-feira, 12 de setembro de 2019

Porto Barreiro - Projeto visa criação da planta que atrai Libélula predadora do mosquito Aedes Aegypti e das larvas

Em parceria com a secretaria de Agricultura, Educação e o Comitê da Dengue, a Secretaria de Saúde de Porto Barreiro, está trabalhando com o projeto Crotalária.

A Crotalária é uma planta leguminosa, originária da Índia e serve como forrageira para adubação verde, depositando nitrogênio no solo, melhorando assim sua fertilidade. Ela atrai a libélula, um predador natural do Aedes Aegypti . Após o plantio, a Crotalária Juncea cresce após 100 dias em média e é considerado um repelente natural do Aedes porque em sua fase adulta, atrai a libélula, inseto que se alimenta das larvas do mosquito transmissor da dengue.

Isso posto, a Secretaria de Agricultura realizou o plantio das sementes que se encontram em desenvolvimento, e nos próximos dias será realizada entrega para os alunos da rede municipal de ensino. Nessa primeira etapa serão entregues para as turmas da Escola Municipal Irmã Inês Vailatti e Padre Antônio Galo de Porto Santana mediante orientações para os alunos por meio da equipe de saúde responsável pelo projeto, juntamente com as secretarias parceiras. 

No inicio desta semana a secretaria de educação realizou a entrega de material didático, que explica sobre os cuidados com a planta onde serão desenvolvidas diversas atividades pelos alunos como desenhos e produções de textos.

A equipe da secretaria de saúde por sua vez estará ministrando palestras sobre o assunto com objetivo de orientar os alunos, sobretudo os munícipes com relação a prevenção contínua contra o mosquito da dengue.

Para a distribuição das mudas a secretaria de agricultura estará realizando no dia 16 de setembro acompanhados de orientações aos alunos da Escola Irmã Inês Vailatti e Padre Antonio Galo.

Posteriormente será premiado um aluno por turma pela produção de texto e desenho onde a premiação só será entregue, após o acompanhamento na residência do aluno, com intuito de verificar se a residência do mesmo encontra-se livre de criadouros do mosquito Aedes Aegypti e a entrega da premiação está prevista para o final do ano, de acordo com a programação festiva de aniversário do município.

A avenida principal de Porto Barreiro vai receber mudas da Crotalária em toda sua extensão.

Dengue pode matar, portanto, a orientação é que todos eliminem os possíveis focos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário