quarta-feira, 22 de maio de 2019

Laranjeiras do Sul - Secretaria de Saúde reúne entidades para definir ações visando o combate ao mosquito da dengue

Unir forças. Esse foi o foco da reunião realizada na terça-feira, 21, pela Secretaria de Saúde no auditório do Centro da Juventude. Representantes de entidades, clubes de serviços, associações e igrejas, estiveram participando das discussões, voltadas a ação de conscientização e sensibilização das pessoas, que acontece no sábado, dia 8 de junho, visando a prevenção e o combate ao mosquito transmissor da dengue, chikungunya e zika. 

A concentração acontece as 8h na Praça José Nogueira do Amaral. Os participantes, vão orientar os moradores sobre a importância de manter o imóvel limpo e sem o acúmulo de água. De acordo com a Enfermeira do setor de Epidemiologia da Secretaria de Saúde, Patrícia Massuqueto, Laranjeiras do Sul conta com 16 notificações de dengue. Deste número, 2 casos foram confirmados, onde as pessoas contraíram a doença em Foz do Iguaçu. Doze casos foram descartados e dois aguardam resultado do Laboratório.

“O nosso objetivo é prevenção, conscientização e mobilização da população, em verificar que cada um precisa dar o seu destino adequado ao seu lixo. Que realmente o que cada um produz seja colocado no local adequado. Nos enquanto Secretaria de Saúde, enquanto as outras entidades, vamos mostrar para as pessoas como não deixar essa água parada. Vamos trabalhar a sensibilização e a prevenção nesse momento”, disse Patrícia Massuqueto. 

Vão participar desta ação, além dos funcionários da Secretaria de Saúde, entre eles agentes de saúde e de endemias, Secretarias Municipais, Conselho Municipal de Saúde, Câmara de Vereadores e diversas entidades, trinta e quatro Militares da base de Guarapuava, vão estar nos auxiliando nesta ação. 

Como prevenir?

A melhor prevenção ainda é evitar a proliferação do mosquito. Neste sentido o ideal é eliminar água armazenada em vasos de plantas, galões de água, pneus, garrafas plásticas, piscinas sem uso e sem manutenção, e até mesmo em recipientes pequenos, como tampas de garrafas.

NADA MUDOU - Tribunal de Contas libera aumento de 8,37% na tarifa de água da Sanepar

CONTA MAIS CARA , o povo PAGA....!!!
O Tribunal de Contas do Estado (TCE/PR) derrubou hoje liminar que havia suspendido o aumento de 12,13% na tarifa de água da Sanepar, liberando um reajuste menor, de 8,37%. A decisão dividiu os conselheiros do tribunal. Inicialmente, a votação acabou empatada, com três votos a favor da liminar concedida pelo relator do caso, conselheiro Fernando Guimarães que suspendeu o reajuste, e outros três votos contrários.

Além do relator, votaram inicialmente pela manutenção da suspensão do aumento os conselheiros Artagão de Mattos Leão e Durval Amaral, e pela concessão do reajuste Ivan Bonilha, Ivens Linhares e Fábio Camargo. No final, prevaleceu uma terceira proposta de Camargo, para a derrubada da liminar e a autorização do reajuste menor.

Guimarães determinou, no último dia 13, a suspensão do reajuste previsto para entrar em vigor no dia 17, acolhendo argumentos da Segunda Inspetoria de Controle Externo do tribunal responsável pela fiscalização da Sanepar, que apontou falta de transparência sobre a metodologia adotada pela empresa para justificar o aumento; o fato de os últimos reajustes terem superado a inflação do período; e a boa saúde financeira da companhia. Ele também acatou pedido da inspetoria para que fosse criada uma comissão de auditoria para analisar a metodologia e os cálculos que fundamentaram tanto o reajuste.

De acordo com a avaliação dos técnicos do tribunal, desde que se promoveu a revisão tarifária em 2017, o aumento acumulado da tarifa da Sanepar foi de 27,92%, contra uma inflação de 12,06% no mesmo período, segundo Índice de Preços ao Consumidor Ampliado (IPCA). Os técnicos do TCE apontaram ainda que, enquanto em 2014 foram distribuídos aos sócios lucros de aproximadamente R$ 200 milhões, em 2018 os valores ultrapassaram os R$ 423 milhões, segundo informam os próprios relatórios da Sanepar.

Prefeito Cesar Filho lança Sistema de Alvará Web e Aplicativo cidade MOB em Guarapuava

 ''É uma evolução no processo de modernização dos serviços públicos e desburocratização”, comemorou o prefeito Cesar Silvestri Filho.

Na manhã desta quarta-feira (22), população, servidores, imprensa e profissionais da classe contábil prestigiaram mais um passo da administração municipal de Guarapuava no universo da inovação, tecnologia e na desburocratização dos serviços com o lançamento do sistema de Alvará Web e do aplicativo Cidade Mob. “Nós atuamos sempre no sentido de facilitar a vida da população e essa ferramenta mostra isso. Por meio de aplicativos e plataformas que ofereceram segurança e permitam a solução de problemas pelo meio digital nós agilizamos os processos e reduzimos custos. É uma evolução no processo de modernização dos serviços públicos e desburocratização”, comemorou o prefeito Cesar Silvestri Filho.

São ferramentas digitais que permitem que Guarapuava, mais uma vez, avance como cidade moderna e com uma gestão pública próxima ao dia a dia da população. O sistema de Alvará Web possibilitará que todos os procedimentos referentes ao documento, feitos até então no balcão do paço municipal, passem para a plataforma online, por meio do site da prefeitura. Tudo isso refletirá em eficiência temporal, com uma redução de sete dias para 48 horas na liberação do documento. “A emissão e renovação de alvarás para empresas que não ofereçam risco ao município ou para suas atividades, como do ramo de alimentos ou defensivos agrícolas, poderão ser feitas por meio dessa ferramenta online que representa um avanço importante nos serviços e na gestão pública da nossa cidade”, destacou o secretário de Finanças, Diocesar Costa de Souza.

Atualmente, Guarapuava emite, em média, sete alvarás por dia para novas empresas. Para renovações, são três novos alvarás diários. Pela demanda, o novo sistema transformará diretamente o trabalho de diversos profissionais, principalmente da área contábil. “Estamos colhendo os frutos de um trabalho que estamos fazendo há um bom tempo. A vontade da administração existe e isso nos permite avançar em ferramentas importantes como essa. Mais uma vez nós agradecemos por esse trabalho”, afirmou o presidente do sindicato dos contabilistas de Guarapuava, Sadi Giongo.

Além desses profissionais, por meio do aplicativo Cidade Mob, toda a população terá acesso rápido e prático à consulta de débitos, imóveis, solicitação de guias e pagamentos. Com esta ferramenta, Guarapuava é novamente destaque no Paraná sendo um dos primeiros municípios a inovar neste ramo. “Se você tem um imóvel e quer consultar débitos, ou quer fazer o pagamento de uma guia, tudo pode ser projetado no smartphone e feito o pagamento online. Se você é empresário, também pode baixar o aplicativo, cadastrar o CNPJ e ter as informações na palma da mão”, explicou Diocesar. O aplicativo guarapuavano já está disponível para download gratuito para os sistemas Android e iOS.

Também participaram do lançamento o delegado regional de contabilidade do Paraná, Carlos Alberto Kuhl, diretora regional do Sescap de Guarapuava, Giselle Piasecki, a representante do Conselho Empresarial da Mulher, Eva Schran, diretor de arrecadação e fiscalização da prefeitura, Adão Monteiro, vereadores Celso Lara da Costa, Valdemar Calixtro dos Santos, Márcio Carneiro e Samuel da Silva Pinto e secretários municipais.

Policiais agem rápido e conseguem salvar jovem que tentava suicídio

Na manhã desta quarta-feira (22), a equipe de RPA do 4°BPM realizava patrulhamento no bairro Jd. Cristina no município de Mandaguari a procura de um veículo, quando adentraram no barracão. 

Lá, se depararam com um jovem de 16 anos tentando cometer suicídio através de enforcamento.

Rapidamente, os policiais perceberam o fato e seguraram as pernas da vítima, soltando o jovem que sofre de depressão. 

O SAMU foi acionado e prestou atendimento médico ao jovem.

Agências do Trabalhador vão intermediar 11 mil vagas para a Klabin

O Departamento do Trabalho da Secretaria da Justiça, Família e Trabalho será o responsável por intermediar as 11 mil vagas de empregos que serão geradas pela Klabin para a construção da unidade industrial no município de Ortigueira, no Norte do Paraná. As tratativas foram alinhadas durante reunião na sede da empresa.

Os postos de trabalho serão abertos por meio do projeto Puma II – que abrange a construção de duas máquinas de papel com produção de celulose integrada, num investimento de R$ 9,1 bilhões.

A diretoria de Projetos da empresa explicou que a construção vai abrir mais de 11 mil postos de trabalho na região e a companhia estima iniciar as atividades da nova planta em 2021. De acordo com a Klabin, a maior parte dos equipamentos será instalada na primeira etapa do projeto. Com isso, aproximadamente dois terços dos recursos previstos para a implantação da nova planta ocorrerão entre 2019 e 2021.

As vagas estarão disponíveis para a população no segundo semestre de 2019. Segundo o diretor do Departamento do Trabalho, Eder Colaço, “essas vagas serão disponibilizadas para as Agências do Trabalhador de todo os estado no intuito de aumentar e tornar mais efetiva a geração de emprego e renda no Paraná”.

MAIS EMPREGOS - A ação do Departamento do Trabalho atende a determinação do secretário da Justiça, Família e Trabalho, Ney Leprevost, de um formato proativo de captação de vagas a serem intermediadas pelas Agências do Trabalhador de todo o Estado. Os técnicos do Departamento Estadual do Trabalho já realizaram, desde o início da gestão, reuniões com diversas empresas e em diversos municípios com o objetivo de aumentar a oferta de vagas de empregos conforme orientação do governador Carlos Massa Ratinho Júnior.

“Isso se deve ao empenho e dedicação da equipe do Departamento Estadual do Trabalho, que neste início de gestão circulou o Estado todo atrás de novas parcerias e fazendo a capacitação dos agentes profissionais que atuam nas agências”, ressaltou o secretário da Justiça, Família e Trabalho, Ney Leprevost.

Secretaria de Viação e Obras de Porto Barreiro aproveita as condições do tempo para dar agilidade aos trabalhos.

   
Na Comunidade Linha Lima e Linha Gonçalves, a equipe está realizando trabalhos de patrolamento e cascalhamento em vários trechos. Assim segue o trabalho de atendimento aos agricultores e cuidando do acesso para transporte escolar, escoamento de produção agrícola, e demais usuários. 

Outro ponto importante é a parceria com os agricultores, que realizam de forma constante as roçadas em beiras de estradas, próximas de suas propriedades, facilitando e dando mais agilidade para o setor de viação. Nas imagens vemos agricultores da comunidade Sertãozinho realizando roçadas e com isso a Secretaria aproveita para agradecers aos demais que aderem essa prática.

Negociações entre governo Ratinho Jr e servidores sobre reajuste não avançam

As negociações entre o governo do Estado e os servidores públicos estaduais sobre a data-base do reajuste salarial anual do funcionalismo não avançaram na nova reunião entre representantes do Executivo e dos sindicatos, ontem, no Palácio Iguaçu.

Ao contrário do que esperava o Fórum das Entidades Sindicais (FES), o governo não apresentou os dados sobre a situação financeira do Estado. A Secretaria de Estado da Fazenda ficou de apresentar os números na próxima segunda-feira (27). Os servidores - que estão com os salários congelados desde 2016 cobram a reposição das perdas relativas à inflação dos últimos 12 meses, de 4,94%.

Segundo a representante do FES, Marlei Fernandes, a comissão deve se reunir com o líder do governo na Assembleia Legislativa, deputado Hussein Bakri hoje para buscar um novo posicionamento do Executivo.

IFPR lança concurso para professores e técnicos-administrativos. Salários chegam a R$ 10.118,92

Nesta quarta-feira (22), foram lançados três editais que vão reger a contratação 133 funcionários - 72 docentes, 22 docentes na área de Educação Especial e 39 técnicos administrativos em educação para a Reitoria e os campi do IFPR. As inscrições estão abertas das 12h do dia 31 de maio até 23h59 de 01 de julho.

O candidato que desejar isenção da taxa de inscrição deverá, obrigatoriamente, realizá-la no certame no período improrrogável de 31 de maio a 14 de junho de 2019.

As inscrições devem ser realizadas no site da banca organizadora: Fundação de Apoio ao Desenvolvimento da Unicentro (FAU). A taxa no Concurso Público será de R$ 80 para os cargos de técnico em educação de nível médio, R$ 120 para os cargos de técnico em educação de nível superior e R$ 150 para os cargos de docente.

Provas serão aplicadas em seis cidades do Paraná

Para os cargos de docente, serão aplicadas provas objetivas, didáticas e de títulos. Para os cargos de técnico administrativo em educação, serão aplicadas provas objetivas e práticas, sendo estas somente para os cargos de Técnico em Laboratório e Tradutor e Intérprete de Libras.

As provas objetivas serão aplicadas nas cidades paranaenses de Cascavel, Curitiba, Ivaiporã, Londrina, Palmas e Paranavaí. As provas didáticas e de títulos para os cargos de docentes serão aplicadas em Curitiba. Já para os cargos de Técnico em Laboratório e Tradutor e Intérprete de Libras, as provas serão em Curitiba e em cidades da região metropolitana.

Os três editais preveem reserva de vagas para pessoa com deficiência e negro, conforme legislação.

Técnicos Administrativos em Educação

São 39 vagas de nível médio (classe D) e nível superior (classe E) distribuídas em 20 cidades do Paraná.

Remuneração varia de acordo com a graduação

As remunerações para os cargos de nível superior é de R$ 4.180,66 e para os cargos de nível médio é de R$ 2.446,96. Às remunerações poderão ser acrescidas percentual de Incentivo à Qualificação para os candidatos que possuam escolaridade superior à exigência para ocupação do cargo; auxílio pré-escolar no valor de R$ 321,00 para dependentes com idade inferior a seis anos; e auxílio-alimentação, estipulado em R$ 458,00.

Provas acontecem em agosto

A prova objetiva será realizada dia 04 de agosto de 2019, às 14h, com duração de quatro horas. A prova objetiva terá caráter eliminatório e classificatório e terá questões de língua portuguesa, raciocínio lógico, informática básica, legislação aplicada ao IFPR e conhecimentos específicos. Os pesos das matérias e conteúdo programático estão previstos nos itens 9 e 10 do edital.


Docentes

Para o cargo de docente, estão abertas 72 vagas em 17 campi em diferentes áreas. Há vagas para carga horária de 20 horas semanais e para 40 horas semanais com dedicação exclusiva. O nível mínimo de ensino solicitado para se candidatar às vagas é de graduação em áreas específicas do conhecimento.

Remuneração chega a R$ 10.118,92

A remuneração inicial para um docente com carga horária de 20h e graduação é de R$ 2.236,31, podendo chegar a R$ 3.449,83 nos casos em que o docente tiver doutorado. Para o cargo com carga horária semanal de trabalho de 40h e dedicação exclusiva, o salário inicial para um docente com graduação é de R$ 4.463,93, podendo chegar a R$ 9.600,92 nos caso em que o docente tiver doutorado. A esses salários, são somados ainda R$ 458 de auxílio-alimentação e R$ 321 de auxílio pré-escolar, caso os docentes tenham filhos até seis anos.

Provas acontecem em agosto e setembro

A prova objetiva será realizada dia 04 de agosto de 2019, às 14h, com duração de quatro horas. A prova objetiva terá caráter eliminatório e classificatório e terá questões de língua portuguesa, legislação aplicada ao IFPR, fundamentos da educação e conhecimentos específicos.

Além da prova objetiva, os candidatos ao cargo de docente devem passar, ainda, por uma prova didática e prova de títulos, a serem realizadas em Curitiba e região, de 06 a 09 de setembro.

As notas da prova objetiva, prova didática e de títulos, cada qual com um peso, serão utilizadas para o cálculo da nota final do candidato. Mais informações podem ser encontradas nos itens 9 a 12 do edital.


Docentes Especiais

Há vagas para carga horária de 20 horas semanais. O nível mínimo de ensino solicitado para se candidatar às vagas é de graduação em Pedagogia com Habilitação em Educação Especial ou Pedagogia com Especialização em Educação Especial ou Pedagogia com Especialização em Atendimento Educacional Especializado ou Licenciatura em Educação Especial.

Remuneração chega a R$ 3.907,83‬

A remuneração inicial para um docente com carga horária de 20h e graduação é de R$ 2.236,31, podendo chegar a R$ 3.449,83 nos casos em que o docente tiver doutorado. A esse salário, podem ser somados ainda R$ 458 de auxílio-alimentação e R$ 321 de auxílio pré-escolar, nos casos em que os docentes tenham filhos até seis anos.

Provas acontecem em agosto e setembro

A prova objetiva será realizada dia 04 de agosto de 2019, às 14h, com duração de quatro horas. A prova objetiva terá caráter eliminatório e classificatório e terá questões de língua portuguesa, fundamentos da educação, legislação aplicada ao IFPR e conhecimentos específicos.

Além da prova objetiva, os candidatos ao cargo de docente devem passar, ainda, por uma prova didática e prova de títulos, a serem realizadas em Curitiba e região, de 06 a 15 de setembro.

As notas da prova objetiva, prova didática e de títulos, cada qual com um peso, serão utilizadas para o cálculo da nota final do candidato. Mais informações podem ser encontradas nos itens 9 a 12 do edital.

Hoje é dia de Nhoque Delivery. Faça seu pedido. Pedidos para a cidade de Laranjeiras do Sul.

                            

FAZENDEIRO é recebido a tiros por bandidos em sua propriedade na cidade de Pinhão

     O assalto aconteceu  dia 21 de maio de 2019 na Localidade de Serrinho, o solicitante relatou que seu tio, 39 anos fez contato com o mesmo relatando que ao chegar em sua propriedade rural juntamente com seus pais foram recebidos a tiros no portão de entrada da fazenda, os disparos teriam atingido a lateral do veículo Toyota Hilux cor branca e as vítimas teriam fugido do local para uma mata e ligado pedindo por ajuda.

Diante das informações a equipe deslocou até a fazenda, sendo que na aproximação ao local foi possível observar uma movimentação de pessoas saindo da residência e logo se dirigiu a equipe o senhor, 69 anos, o qual informou que naquele momento estava ocorrendo um roubo e que três autores do fato perceberam a presença da equipe policial e evadiram-se pelos fundos da residência embrenhando-se em um matagal.

Relatando ainda que quando chegou a fazenda foi rendido pelos autores os quais estavam portando revolver, uma espingarda cal. 12 e uma arma curta semelhante a uma submetralhadora, e na residência de um dos funcionários da fazenda estavam rendidos o casal e os dois filhos, os três autores estavam com os rostos descobertos trajando moletom claro e calça jeans, ambos de estatura baixa e pele morena.

Os autores exigiam que o SR 69 anos, entregasse dinheiro e armas, sendo subtraído dinheiro em espécie, algumas vestimentas e uma carabina CBC calibre .22

Segundo informações, as vítimas os autores teriam chegado ao local por volta das 15h00 em um veículo Fiat/uno de cor branca, sendo o veículo abandonado ao fundos da residência o qual foi apreendido pela equipe e encaminhado a delegacia de polícia Civil de Pinhão.

Diante dos fatos foram realizados patrulhamento nas imediações porem nenhum suspeito foi localizado sendo orientada as vítimas quanto aos procedimentos cabíveis.

Não basta só patrolar...tem que solucionar - Secretaria de Agricultura de Rio Bonito Iguaçu realiza trabalho em estradas rurais

                              
                                ANTES 

   
                               DEPOIS

Equipes da Viação e Obras da Prefeitura está readequando a estrada que liga as comunidades de Pinhalzinho à Linha Rosa. Estão sendo feitas aberturas de bueiros, colocação de manilhas e outras readequações. Devido ao bom tempo, o trabalho está sendo feito.

VEJA VÍDEO - Produtores de Foz do Jordão PAGAM para produzir MORANGO ...não se ENGANEM !!

               
             Os SLABS ( substrato) foram entregues aos produtores interessados em produzir  morango na cidade de Foz do Jordão , mais tudo isso foi PAGO pelos agricultores , tudo foi cobrado , inclusive o frete ...

               Segundo uma produtora , foi cobrado 1,50 de FRETE  totalizando 12,00 cada Substrato (SLAB) e segundo ela as mudas do MORANGO já foram compradas por eles aproximadamente 45 dias e ainda não foi entregue...ou seja OS PRODUTORES de MORANGO de FOZ do JORDÃO estão pagando para produzir ......ela pede ajuda , Prefeitura tem técnico atendendo este POVO , de que forma foi o GRANDE incentivo que a secretaria de agricultura disponibilizou a estes produtores ? 

Qual o INCENTIVO da prefeitura ?

Laranjeiras do Sul - Policia Militar realiza FORMATURA do PROERD , com arrecadação de DONATIVOS de forma solidária !!


       Este ano a 2ª CIA da Policia Militar  de forma solidária inovou a formatura do PROERD , e realizará de forma voluntária e logicamente espontânea que cada participante ou  convidado que se fizer presente ''lembrando que de forma voluntária  e espontânea'', levar uma doação (alimento, produto limpeza, higiene, etc), o qual  será destinado a Casa de Recuperação ''Esquadrão Resgate'' de Laranjeiras do Sul.

Sua participação será importante para os alunos e para o projeto , PARTICIPE!! 

HOMEM fica gravemente FERIDO após cair da CARROCERIA de CAMINHÃO no interior de Laranjeiras do Sul

  
      O SIATE foi acionado para atender uma vítima de queda de altura em uma fazenda, segundo informações de  funcionários, a vítima estava realizando a descarga de bags de um caminhão, quando sofreu a queda de aproximadamente 4m de altura.

       A vitima sr. V.P. (m) 41 anos, encontrava-se caída em frente a um barracão sendo aparada por funcionários, estava consciente e confuso, com abertura ocular verbal, apresentando fratura e afundamento de crânio (occipital), grande sangramento por orifício corporal (ouvido esquerdo), olhos de guaxinim, fratura em arcos costais, contusão em ombro esquerdo (vítima código 03), o mesmo foi transportado ao hospital São Lucas em Laranjeiras do Sul.

Rio Bonito do Iguaçu - Presidentes de associações de assentados protocolam ofício junto ao Incra questionando sobre georreferenciamento

Os presidentes das duas associações que representam os assentamentos Marcos Freire (Acampf) e Ireno Alves dos Santos (Cacia) em Rio Bonito do Iguaçu, estiveram no último dia 15 de maio no Incra em Curitiba protocolando um ofício solicitando informações.

Neste documento expedido pela Associação Comunitária do Assentamento Marcos Freire (Acampf) sob o número 002/2019, solicita informações sobre a situação cadastral e número de lotes das famílias do Marcos Freire que aguardam pela regularização de suas propriedades, além da situação de georreferenciamento dessas áreas. 

O documento foi recebido e protocolado pelo Incra através do número 54000.69351/2019-82, onde se aguarda para os próximos dias a manifestação por parte do órgão federal.

Odair José França, presidente da Central das Associações Comunitárias do Assentamento Ireno Alves dos Santos (Cacia) e Ivair Juncoski, o “Bota” (presidente da Acampf) tiveram um encontro com o atual superintendente substituto do Incra SR-9 no Paraná, Sandro Márcio Fecchio.

O superintendente definitivo no Paraná ainda não foi escolhido pelo presidente nacional do Incra, o general Jesus Corrêa.

Durante a reunião foi solicitado esclarecimentos sobre os serviços de georreferenciamento que outra associação menor no município está oferecendo aos assentados do Marcos Freire, considerando que o Incra já realizou anteriormente os mesmos serviços nos projetos de assentamentos em Rio Bonito do Iguaçu. 

Há informações apresentadas com a cópia do contrato, que uma empresa particular estaria solicitando o pagamento de R$ 2.000,00 (dois mil reais) para cada assentado que desejasse o gerreferenciamento da sua área, através da tal associação.

De acordo com o presidente da Acampf, Ivair Juncoski, durante a reunião em Curitiba com o superintendente substituto Sandro, foi esclarecido que a responsabilidade do georreferenciamento é totalmente do Incra.

“A gente não é contra a titulação, torcemos para que saiam esses documentos, mas dentro da legalidade. Já sabemos que teve regiões que fizeram esse tipo de serviço (georreferenciamento) através de empresas há 3, 4 anos atrás e até agora não saíram os títulos. O superintendente disse que foi uma associação que solicitou para medir os lotes e regularizar. Mesmo assim ninguém é obrigado a medir e pegar os títulos. Quem está irregular, primeiro tem que pegar o contrato de assentamento. Sabendo que no Marcos Freire temos alguns problemas com lotes, por enquanto não vai ser tão fácil regularizar. Vamos esperar o Incra responder o nosso ofício e com isso fazer reuniões nas comunidades para esclarecermos melhor esta situação”, disse o presidente da Acampf, Ivair Juncoski.

Para o presidente da Cacia, Odair José França, a responsabilidade pelo georreferenciamento e outros serviços é de atribuição do Incra.

“A responsabilidade é do Incra e não de nós assentados. Quem deve ceder a titularização é o órgão federal. Nós protocolamos o ofício solicitando a regulamentação de todas as situações de várias famílias; nós como assentados nunca solicitamos um centavo sequer para fazer a regulamentação ou serviço qualquer em cima de um lote. A gente solicitou ao Incra a lista das pessoas que já estão regulares nos lotes para verificarmos as situações de cada um”, disse Odair José França.

“Nos assentamentos, temos vários problemas como reserva legal, com falta de estradas adequadas e outros. Mas quero esclarecer que a responsabilidade é total do Incra. Ninguém é obrigado a pagar alguma coisa, mesmo que o faça, não terá a certeza da regularização do seu lote no futuro. Após chegar a resposta do Incra, a idéia é que a gente discuta nas comunidades para reavaliarmos “, finaliza Odair José França, da Cacia.

Com pesar que noticiamos o falecimento de REINALDO (Ronaldo) TRENTO

Com pesar que noticiamos o falecimento de Reinaldo ( ronaldo) TRENTO , ocorrido na capital do estado , seu velório ocorrerá em Pinhais.

Aos amigos e familiares nossas condolências.

Laudo aponta que Mulher foi espancada e morta com 75 facadas.

O laudo do IML de Pato Branco confirmou que a chopinzinhense Rosenilda Alves Ferreira, 41 anos, assassinada na manhã de ontem em Pato Branco pelo ex-marido, o também chopinzinhense Antônio Alves, 53 anos, foi espancada e morta com 75 facadas.

A delegada Franciela Alberton, da Delegacia da Mulher de Pato Branco, confirmou que a vítima foi espancada e morta com 75 golpes de faca. O filho do casal de 8 anos presenciou o crime.

A delegada também confirmou que Rosenilda morava com Antônio em Chopinzinho e a cerca de um mês havia rompido o relacionamento com ele após uma discussão, indo morar na casa do seu irmão no interior de Pato Branco.

Antônio chegou na casa do cunhado com uma blusa em um dos braços onde deveria estar escondendo a faca, entrou no quarto em que Rosenilda estava dormindo e passou a agredi-la, antes de desferir os golpes de faca.

Segundo a delegada, Antônio, que foi preso em flagrante, se reservou ao direito de permanecer em silêncio, mas as testemunhas confirmaram que ele foi o autor do feminicídio.

(Fonte: Diário do Sudoeste)

TCE-PR considera irregulares contas de Cantagalo em 2016 e multa ex-prefeito que deixou ROMBO de 6.4MILHÕES segundo TCE/PR

A Segunda Câmara do Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR) manifestou-se pela irregularidade das contas de 2016 do Município de Cantagalo, no Centro-Sul paranaense.

 O órgão colegiado também deliberou pela aplicação de duas multas ao então prefeito, Everson Antônio Konjunski (gestão 2013-2016).

O Parecer Prévio pela irregularidade da Prestação de Contas Anual (PCA) foi motivado por inconformidades apontadas no relatório do controle interno da prefeitura; pelo déficit financeiro de fontes não vinculadas; e por obrigações contraídas nos últimos dois quadrimestres do mandato do antigo gestor, sem suficiente disponibilidade de caixa.

A decisão ainda ressalvou as seguintes impropriedades detectadas na prestação de contas: encaminhamento com atraso do certificado de regularidade previdenciária; falta de pagamento de aportes necessários à cobertura do déficit atuarial do regime próprio de previdência social (RPPS) do município; e entrega fora do prazo de dados contábeis ao Sistema de Informações Municipais - Acompanhamento Mensal (SIM-AM) do TCE-PR.

Devido à irregularidade das contas, e ainda por ter enviado com atraso as informações obrigatórias ao SIM-AM, o ex-prefeito recebeu duas multas, as quais totalizam R$ 6.195,60 para pagamento em maio. As sanções, previstas no artigo 87, inciso III e parágrafo 4º, da Lei Orgânica do TCE-PR (Lei Complementar Estadual nº 113/2005), correspondem a 60 vezes o valor da Unidade Padrão Fiscal do Estado do Paraná (UPF-PR). O indexador, que tem atualização mensal, vale R$ 103,26 neste mês.

IRREGULARIDADES

Em seu relatório sobre as contas de 2016, o controle interno da Prefeitura de Cantagalo apontou a falta de repasse das contribuições patronais ao RPPS do município; a ausência de pagamento integral dos parcelamentos das dívidas com o RPPS; e a existência de parecer do Conselho Municipal de Saúde pela irregularidade das contas da gestão.

Já as despesas contraídas no final do mandato de Konjunski, sem que houvesse disponibilidade suficiente em caixa para cobri-las, resultaram num rombo de R$ 6.454.153,50 no balanço da prefeitura. Por fim, foi registrado um déficit de execução das fontes de recursos livres totalizando R$ 2.852.617,29, soma correspondente a 12,1% das receitas arrecadadas naquele exercício.

DECISÃO

Tanto a Coordenadoria de Gestão Municipal (CGM) do Tribunal quanto o Ministério Público de Contas do Estado do Paraná (MPC-PR) manifestaram-se pela irregularidade do balanço, defendendo ainda a aplicação de multas. O voto do relator do processo, conselheiro Ivan Bonilha, seguiu o mesmo entendimento.

Para ele, a situação demonstrada no processo atesta a existência de certo descontrole financeiro no Município de Cantagalo no exercício de 2016. Apesar de a defesa do ex-prefeito ter tentado demonstrar a correção ou inexistência das falhas apontadas pelo TCE-PR, para Bonilha todas as irregularidades constatadas tiveram sua veracidade comprovada.

Os demais membros da Segunda Câmara do TCE-PR acompanharam, por unanimidade, o voto do relator, na sessão do dia 16 de abril. Cabe recurso contra a decisão contida no Acórdão de Parecer Prévio nº 100/19 - Segunda Câmara, veiculado em 6 de maio, na edição nº 2.051 do Diário Eletrônico do TCE-PR (DETC).

Após o trânsito em julgado do processo, o Parecer Prévio do TCE-PR será encaminhado à Câmara Municipal de Cantagalo

A legislação determina que cabe aos vereadores o julgamento das contas do chefe do Poder Executivo municipal. Para desconsiderar a decisão do Tribunal expressa no parecer prévio, são necessários dois terços dos votos dos parlamentares.

Fonte - TCE/PR

Escolas do NRE de Laranjeiras do Sul aplicaram as Provas da Olimpíada Brasileira de Matemática

Ocorreu ontem (21/05), nas Escolas cadastradas do Núcleo Regional de Educação de Laranjeiras do Sul a prova da Primeira Fase da 15ª edição da Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (OBMEP) de 2019.

As provas foram divididas em 3 níveis, de acordo com a escolaridade do aluno.

Nível 1: Estudantes do nível 1 (6º e 7º anos do Ensino Fundamental). Nível 2: Estudantes do nível 2 (8º e 9º anos do Ensino Fundamental). Nível 3: Estudantes do nível 3 (Ensino Médio).

A Olimpíada é composta por duas etapas classificatórias e eliminatórias. Nesta primeira fase está ocorrendo uma prova objetiva, composta por 20 (vinte) questões de múltipla escolha. Os alunos melhores classificados dentro do limite de vagas seguirão para a segunda fase.

De acordo com o Professor Lidio dos Santos, “no NRE de Laranjeiras do Sul sempre temos ótimos resultados na OBMEP, fruto este do comprometimento dos professores e da equipe gestora. Mas há espaço para avançarmos ainda mais e principalmente, jamais deixar de incentivar o aluno, pois este é o protagonista dos resultados de um ensino de qualidade.”

A lista de classificados para a Segunda Fase será divulgada no dia 5 de julho no site da OBMEP (www.obmep.org.br).

Na foto os alunos da Escola Estadual Érico Veríssimo realizando a prova.

Prefeito TONINHO investe no Conselho Tutelar de Campo Bonito

 
        Para apoiar e fortalecer a atuação dos conselheiros tutelares do município, o governo municipal adquiriu um veículo Gran Siena Attractive 1.4 0km no valor de R$ 52.900,00 (cinquenta e dois mil e novecentos reais) e também investiu R$ 12.000,00 (doze mil reais) em móveis e equipamentos para o setor.