terça-feira, 11 de setembro de 2018

Polícia de Coronel Vivida PRENDE foragido da justiça com FUZIL 7.65 , Pistola 9MM e METRALHADORA

A Polícia Militar de Coronel Vivida recebeu na tarde desta segunda feira, dia 10, uma denúncia anônima, via central 190 da 3 cia./ 3 BPM, de que um indivíduo estaria em atitude suspeita no bairro Jardim Primavera com um veículo GM/Ômega, placas BNI-7438, cor preta, pedindo informações de um endereço.

Imediatamente a equipe do núcleo de inteligência - 3ª Cia. / ALI 3º BPM, realizou diligências, sendo visualizado o referido veículo, e então realizada abordagem. Foi identificado o condutor, onde em revista pessoal nada de ilícito foi localizado, porém, em busca no veículo foi localizado dentro de uma mala, uma sacola plástica na cor branca, em seu interior 25 munições, de fuzil calibre 7.65, de diversas marcas. Questionado o abordado para onde estava levando, o mesmo relatou que iria entregar para uma pessoa na Rua Presidente Costa e Silva, Bairro Industrial.

Sendo assim, foi solicitado apoio de mais equipes de Policiais Militares, equipe de ROTAM e de RPA, e deslocado até a residência onde foi realizado abordagem, sendo que no momento haviam duas pessoas na área da residência os quais foram identificados. Em seguida foi realizado buscas e localizado na sala da casa, uma pistola marca m95-classic, modelo FM, calibre 9mm, número de série 427956; um colete balístico, cor preta; 85 munições calibre 9mm. No quarto foi localizado, um fuzil, marca Mauser, calibre 7.65, de origem argentina, estando municiado com um cartucho intacto; acoplado ao fuzil havia uma luneta, marca Meostar, modelo r1 7x56; uma metralhadora marca Ina, calibre .45, pertencente a Polícia Militar do Paraná, número de série 00301, carregada com sete munições intactas; Também no quarto foi localizado uma toca balaclava, três lanternas, três braçadeiras transparentes, um par de luva, um canivete, sendo esses materiais comumente usados para prática de outros delitos.

Em consulta ao sistema da Polícia, foi verificado que o abordado possui mandado de prisão expedido por homicídio simples, além de ser foragido do sistema penitenciário, sendo então dado fiel cumprimento ao referido mandado de prisão. Foi necessário uso de algemas, nos envolvidos, para salva guardar a integridade física dos envolvidos e da equipe policial. O veículo por apresentar pendências administrativas, foi recolhido junto ao pátio da 3ª CIA/PM, e confeccionado as notificações cabíveis.

Todos os envolvidos receberam voz de prisão, pelos delitos evidenciados, porte ilegal de arma de fogo e munições de uso restrito; receptação; entre outros, além de serem deixados cientes de seus direitos constitucionais, sendo juntamente com todo o material apreendido, entregues em flagrante delito na 5ª SDP de Pato Branco, PR.

(Fonte PM)

Nenhum comentário:

Postar um comentário