sexta-feira, 21 de agosto de 2020

Copel - Vila Residencial de Faxinal do Céu e Segredo pode estar em via de desativação.

Alguns moradores das Vilas residenciais de Segredo, em Reserva do Iguaçu e de Faxinal do Céu em Pinhão no Paraná, e do seu entorno notaram ha alguns meses várias modificações na condução das Vilas e que eles estavam preocupados.

As duas Vilas pertencem à Companhia Paranaense de Energia – Copel, que as criou e as mantém, onde residem prestadores de serviços à empresa, professores e os trabalhadores que atuam nas Usinas de Energia Elétrica, Governador Ney Aminthas de Barros Braga, localizada no rio Iguaçu, a 2 km da montante da Foz do Rio Jordão, a Governador Bento Munhoz da Rocha Netto de Foz do Areia.

A vida dos moradores do entorno hoje está muito ligada às Vilas residenciais, principalmente do Faxinal do Céu. 

Copel deve estar com um plano para a desativação das Vilas.

HISTÓRICO

Em 1975 a Copel ganhou a concessão para a construção da Usina Governador Bento Munhoz da Rocha Netto para a exploração de energia no rio Iguaçu distante 5 km da jusante da foz do rio Areia. Essa construção e exploração atingiu de forma direta os moradores do distrito de Faxinal do Céu, em Pinhão, Paraná.

Para a construção da Usina várias áreas de muitos moradores foram alagadas, assim tiveram que mudar o rumo de suas vidas. 

Começando a operar em 1980, hoje é a maior usina da Copel, possui capacidade de 1.676 MW de potência.

CONCESSÃO VENCENDO

Pelo contrato existente entre a Copel e a União, a estatal tem o direito de explorar a Usina até setembro de 2023. Após essa data a concessão da exploração da energia de Foz do Areia para os próximos 30 anos iria para novo leilão

Nenhum comentário:

Postar um comentário