sábado, 16 de maio de 2020

CHEGOU A HORA - Avião que transportava médico com coronavírus cai após decolagem

                                
Um avião que transportava um médico infectado com coronavírus caiu trinta minutos depois da decolagem no Ceará nesta sexta-feira (15). Ao todo, quatro pessoas morreram no acidente.

De acordo com informações obtidas pelo R7, o médico trabalhava na linha de frente contra o coronavírus e havia sido infectado. No momento do acidente ele seguia para internação em uma UTI de um hospital de Teresina, no Piauí, sua cidade natal.

A queda do avião táxi-aéreo aconteceu na cidade de São Benedito (CE), logo depois de sair da cidadxe de Sobral, onde o médico trabalhava.

No acidente, quatro indivíduos morreram: o piloto da aeronave, dois profissionais de saúde e o médico pneumologista Pedro José Ferreira de Meneses.

A aeronave, um Embraer Seneca de prefixo PT-RMN, havia decolado por volta das 17h30, mas desapareceu após pouco mais de 30 minutos de voo.

Em seguida, o avião foi encontrado em chamas por moradores próximos de um sítio na cidade de São Benedito, e equipes do Corpo de Bombeiros foram acionadas.

De acordo com a Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), o avião estava em situação regular, e conforme pilotos da região, o comandante da aeronave era experiente e conhecia bem a área.

Segundo informações preliminares, houve registros de mau tempo na rota do voo no momento da queda, mas as equipes do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (CENIPA), vai apurar as causas do acidente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário